Paróquia São Francisco de Assis

Rua Raposo Tavares, 180, Vila Assis - Sorocaba, SP

(15) 3231 3100

PARÓQUIA EM FESTA: SÃO FRANCISCO DE ASSIS, ROGAI POR NÓS!

“Pregue o Evangelho em todo o tempo, se necessário utilize as palavras” – esta foi uma das frases de nosso padroeiro, que nosso pároco, Padre Giuli, utilizou em sua homilia que marcou o encerramento das festividades em honra a São Francisco de Assis. Festa esta marcada pela união paroquial, pelo trabalho conjunto e pela participação de todas as nossas pastorais e movimentos. Seguindo os ensinamentos de nosso padroeiro, pudemos ver a fraternidade nos cinco dias da festa, demonstrando o sinal da fé vivida por nossa paróquia.

As celebrações tiveram início na quarta-feira, dia 2 de outubro, com a presença do Padre Isaac da paróquia Santo Antônio, de Iperó. Na quinta-feira (3) esteve conosco o Padre Edson Daros, da paróquia São Roque (Boituva). Na sexta-feira a missa foi celebrada por nosso pároco, Padre Giuli. No sábado recebemos como celebrante o padre Manoel Júnior, da paróquia Santa Rita.

Ainda dentro das festividades, tivemos no domingo a tradicional Bênção aos Animais, com início no Parque dos Espanhóis e breve procissão até a praça da matriz, onde os fiéis, acompanhados de seus animais de estimação, puderam vivenciar uma manhã de agradecimento e pedidos de bênçãos a Deus sobre estas criaturas, tão queridas por São Francisco de Assis, e que deixam a nossa vida mais divertida. No rito da bênção, nosso pároco ressaltou a mensagem da Igreja, que há tempos faz a ressalva da importância da ecologia e a responsabilidade que nós, católicos, devemos assumir, voltando nossos olhares para correta preservação de toda a cadeia ecológica.

Com todas nossas comunidades reunidas no domingo, dia 6, às 17h30 na matriz, para o encerramento da Festa de São Francisco, nosso pároco celebrou a Missa Solene. Em sua homilia nos transmitiu a mensagem contida na liturgia do dia, na segunda carta de São Paulo a Timóteo: “Exorto-te a reavivar a chama do dom de Deus”. Ressaltando a diferença entre fé e entusiasmo, nosso pároco nos dizia que, diferentemente de acreditar e pensar positivamente, ter fé significa acreditar que podemos vencer, mas que se cairmos, estaremos prontos a recomeçar: “O entusiasta não sabe o que fazer quando um plano dá errado. Quem tem fé sabe que Deus nunca o abandonará.” E ainda completou: “Que nós possamos alimentar as nossas relações pessoais, espirituais e profissionais, que possamos reavivar as coisas boas em nossas vidas, que nós, como servos de Deus, sejamos anunciadores de Sua Palavra, a exemplo de São Francisco de Assis.”

A missa do domingo ainda reservou algumas novidades para nossa paróquia. Nosso agora ex-cerimoniário Patrick, após 16 anos de serviço ao altar, deixa o ministério, dando lugar a Yasmin, a segunda menina a ocupar a função de cerimoniário. Recebemos ainda seis novos “coroinhas mirins” que iniciam uma nova experiência no serviço de altar: “São crianças de 3 a 7 anos que vão se preparando para a função de coroinhas”, disse nosso pároco. Ao final da missa, uma representação da vida de nosso padroeiro nos passou a mensagem de desapego aos bens materiais, intimidade com Deus e amor ao serviço, todas estas virtudes vividas por São Francisco de Assis, o homem do século XX.

A procissão pelas ruas do bairro encerrou a liturgia, a quermesse logo a seguir nos reuniu para nos confraternizarmos, agradecendo a Deus pelos dois anos da nossa nova igreja matriz, por todas as outras obras realizadas, e por todas as graças que Ele derrama sobre todas nossas pastorais, pela vida de nosso pároco e de todos os fiéis que conosco participam.

 

Mateus Cabrera

PASCOM