Paróquia São Francisco de Assis

Rua Raposo Tavares, 180, Vila Assis - Sorocaba, SP

(15) 3231 3100

Artigos › 09/11/2020

O papel do católico na política: Dom Murilo Krieger

Dom Murilo Krieger fala sobre o papel do católico na política

“Não podemos dizer que a política é coisa suja e dela nos afastaremos. Muitas vezes é suja porque gente honesta, sábia, que teria condições de fazer um bom trabalho não aceita fazer. E aí abre espaço para o medíocre”, diz Dom Murilo Krieger.

Estamos nos aproximando mais uma vez do dia das eleições para prefeitos e vereadores.

“Não podemos dizer que a política é coisa suja e dela nos afastaremos. Muitas vezes é suja porque gente honesta, sábia, que teria condições de fazer um bom trabalho não aceita fazer. E aí abre espaço para o medíocre”, diz Dom Murilo Krieger.

“É uma missão especial dos cristãos leigos empenhar-se na política, na sociedade e na economia com espírito do Evangelho, do amor, da verdade e da justiça. Para tal, a Doutrina Social da Igreja oferece-lhes uma clara orientação”. [2442]

Dom Murilo reflete que: “Nós vivemos numa democracia. Uma democracia depende muito de políticos. São aqueles que nos representam e tomam decisões em nosso nome para melhorar a vida de toda a comunidade. Se a democracia depende dos políticos, os políticos dependem de nós, do nosso voto. Às vezes, reclamamos deles, mas quem os elegeram? Temos grandes responsabilidades na hora de escolher aqueles que irão nos representar em qualquer cargo. Esteja atendo, escolha, não se deixe levar por aqueles que falam bem, que fazem grandes promessas e o pior ainda, por que lhe dá alguma coisa. Pensa assim, o meu voto deve contribuir para melhorar a realidade”.

Conclui Dom Murilo: “Portanto, participar da política, quer como candidato, quer como eleitor, quer como aquele que acompanha as ações e os trabalhos dos políticos, é algo essencial para uma democracia, para que ela cresça sempre mais e se fortaleça melhor”.

Thiago Zanetti, da Rede Século 21

Fonte: https://www.rs21.com.br/sem-categoria/dom-murilo-krieger-fala-sobre-o-papel-do-catolico-na-politica/