Paróquia São Francisco de Assis

Rua Raposo Tavares, 180, Vila Assis - Sorocaba, SP

(15) 3231 3100

Artigos › 03/06/2020

BEM ESTAR: ATIVIDADES FÍSICAS DURANTE A QUARENTENA

Diante da orientação da Organização Mundial da Saúde para que as pessoas fiquem em casa, nesse momento de disseminação do novo Coronavírus (SARS-CoV-2) é fundamental que sejam incentivadas uma rotina de vida fisicamente ativa. O sedentarismo é prejudicial para o organismo, favorecendo o ganho de peso, aumento da pressão arterial, da glicose (açúcar) e lipídeos (gordura) no sangue, o que aumenta o risco de doenças cardiovasculares e metabólicas, além de comprometer a funcionalidade do sistema ósseo, muscular, articular e emocional, pelo estresse e ansiedade decorrentes do isolamento social e suas consequências. 

Existem diversas propostas para combater o sedentarismo e melhorar sua qualidade de vida no ambiente domiciliar durante essa pandemia, uma delas são os alongamentos, que realizados de maneira regular, aumentam a flexibilidade e amplitude dos movimentos, que reduz o risco de lesões e melhora a performance. A seguir algumas imagens sugestivas para essa atividade:

 

Leia atentamente antes de começar:

– Caminhe por cinco ou dez minutos, dentro do seu domicílio, antes dos alongamentos para fazer um aquecimento e evitar lesões.   

– Escolha um lugar arejado e seguro para fazer os alongamentos; 

– Leia atentamente TODAS as instruções e reveja as fotos para ter certeza que entendeu. 

– Descanse e beba água entre os alongamentos.

– Interrompa a atividade se sentir dor. Realize o alongamento de forma lenta e suave. Nunca exagere na força dos alongamentos. Isso poderá provocar lesões e não melhora os efeitos dos movimentos.

– Mantenha cada alongamento mantendo por 15-30 segundos cada.

– Respire durante o alongamento.

– Alongue sempre os dois lados do corpo.

– Alongue diariamente ou pelo menos 3 vezes por semana.

  1. Puxe o pé para trás para alongar a região anterior da coxa
  2. Apoie na parede dobrando a perna da frente e alongando a perna de trás para alongar a região posterior da perna
  3. Flexione a coluna para frente tentando alcançar o chão para alongar a região posterior da coxa
  4. Com a mão, puxe a cabeça para o lado e para frente, alongando os músculos da região do pescoço
  5. Levante o braço e com a mão contrária, puxe pelo cotovelo para alongar a região posterior do braço
  6. Levante o braço e incline para o lado contrário e depois junte as mãos e puxe para cima para alongar os músculos da região do tronco

 

 

Dra. Ana Paula Ferraz Franco Marcato, fisioterapeuta e paroquiana na Comunidade São Francisco de Assis.