Pastoral das Exéquias

A Exéquia, liturgia cristã dos funerais, é uma celebração do mistério pascal de Cristo. A Exéquia dá a devida honra aos corpos dos ?éis mortos, já que, pelo Batismo, se tornaram templo do Espírito Santo e mostra o que o cristão professa na fé e na esperança: a ressurreição dos mortos, bem como a vida no mundo que há de vir. Então, são elevadas orações para que, pela comunhão de todos os membros de Cristo, os mortos recebam auxílio espiritual e os que choram sua morte, recebam consolação e esperança.

O Mistério Pascal da Morte e Ressurreição de Cristo, em que repousa nossas esperanças, mostra o sentido cristão da morte: quem morre em Cristo, deixa este corpo para ir morar junto do Senhor.

O dia da morte inaugura, para o cristão, a consumação de seu novo nascimento iniciado no Batismo, a “semelhança” de?nitiva à imagem do Filho, conferida pela unção do Espírito Santo, e a participação na festa do Reino.

A Igreja que, como mãe, trouxe sacramentalmente em seu seio, o cristão durante sua permanência terrena, acompanha-o, ao ?nal de sua caminhada, para entregá-lo às mãos do Pai. Ela oferece ao Pai o ?lho da Sua graça e deposita na terra, na esperança, o germe do corpo que ressuscitará na glória.

Lembremos que, mesmo que vivos ou mortos, não estamos separados uns dos outros, pois percorremos o mesmo caminho e nos reencontraremos no mesmo lugar. Jamais estaremos separados, pois vivemos por Cristo, e agora estamos indo em Sua direção.

Na nossa paróquia, existe um grupo de Ministros da Pastoral das Exéquias para cada comunidade que, de acordo com uma escala pré-determinada, atendem à solicitação dos familiares e levam a Palavra de Deus e o conforto, nesses momentos tão difíceis.