Comunidade São Mateus

Comunidade São Mateus

 Em 1993, Frei Maurício junto com a Comunidade S.Pedro se reuniram em oração para conversarem sobre a situação da Comunidade São Pedro. O que estava acontecendo? A comunidade, devido ao seu crescimento,  já não comportava o número de fiéis, pois a igreja se tornou pequena, então se concluiu que seria necessário a criação de uma nova comunidade. 

Então se decidiu por um bairro, dentro dos limites paroquiais, e o  escolhido foi o Colorau. Uma sra. de nome Felisbina Roman dos Reis (D.Bina) oferece a sua casa na Rua José Roberto dos Santos, 141 para celebrar a primeira missa , no dia 25/12/1993.

 As pessoas envolvidas, juntamente com o Frei Maurício e Irmã Cidinha, que auxiliava na paróquia, escolheram como padroeiro São Mateus. Passou-se um tempo e se decidiu celebrar também em outras casas do bairro, com o intuito de envolver mais pessoas. Mas, a tentativa não deu certo, pois, houve falta de comunicação e as pessoas muitas vezes não encontravam as casas.

Então se decidiu que essas celebrações seriam feitas num terreno ao lado do Bar do Gino, na rua Jaime Lopes, debaixo de um abacateiro, o que também não deu certo, pela falta de estrutura e por estar à mercê das intempéries do tempo.

Decidiu-se, voltar as celebrações para a casa da D.Bina, e assim permaneceu por aproximadamente 2 anos. Nesse local se realizavam as missas, batismos e primeiras eucaristias.

Assim, essa pequena equipe começou a realizar eventos para levantar fundos para a compra de um terreno: venda de pasteis, doações, etc… Com muito esforço e oração,se conseguiu comprar um terreno na rua Romão Arraes , Sn – cujo proprietário era um senhor de nome  Júlio.

A primeira missa celebrada nesse terreno foi em 8/07/1995, onde simbolicamente se colocou uma cruz. , se construiu  um barracão e inicia-se assim a construção da Comunidade São Mateus.conseguiram comprar o terreno ao lado.

No início, as celebrações eram feitas pelos Freis Silvio, Euclides e Diácono Pedro.